quinta-feira, julho 11, 2013

O meu melhor vestido.

Algum dia, não sei quando,
eu quis a música triste.
Aquela que persiste,
dedo em riste no meu rosto,
trazendo desgosto,
tristeza no olhar,
pingando uma nota triste:
sempre no mesmo lugar,
sempre no mesmo lugar,
sempre no mesmo lugar.

Música triste me goteja.
Eu canso.
Eu canso.
Eu canso.

Todo dia, não sei como,
eu quero a música alegre.
Aquela que insiste,
pingando notas pra todo lugar.

Música alegre me corteja,
visto meu melhor vestido.
Eu danço,
Eu danço,
Eu danço.

- Carla Accioly
Reações:

6 comentários:

  1. E tem dias que a alma é assimmmmmm mesmo!
    Mas sou tão grata ao Paizão por todos os dias em que minha alma se veste com o melhor vestido (porque fisicamente, nem os possuo! rs) e dança, dança, dança...

    =]

    ResponderExcluir
  2. Dou graças a Deus por nunca ter me acostumado com a música triste, mana!
    Sempre busquei a música alegre, mesmo quando a triste tocava.
    Boa coisa é a gente cuidar da gente mesma sempre, e estar preparadas para a música alegre, pois quando ela começar a tocar, a gente está pronta pra dançar.
    Com nosso melhor vestido!
    Já diz minha mãe: "Cuide de você, minha filha, pois quando a vida lhe sorrir, você vai estar preparada!"

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sábia mulher a tua mãe que te lembra disso minha amiga!

      =]

      Excluir
  3. ps.: viciar-se em 'música' triste, não faz bem pra alma.

    ResponderExcluir
  4. ps.:² retire-se a vírgula entre 'triste' e 'não'. Virgulei errado. [Sorri e acena, Carla Cristina...:D]

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Capitei a vossa mensagem!
      risos...

      Não mana, se for pra viciar, que seja em música alegre que faz é um bem danado pra alma!

      =]

      dancemos!

      Excluir

Deixe seu comentário, crítica ou observação. Queremos saber o que estamos transmitindo a você.
Mas, deixamos claro que comentários ofensivos não serão publicados.