quarta-feira, junho 18, 2014

Considerando II.


Insisto: que todo caminhar seja "distraído" por causa da certeza de que o Eterno cuida de cada vida.
Digo "distraído" no sentido de leve.
Leve pela confiança n'Ele.
A confiança que nos leva à paz que vai pra além de qualquer entendimento, apesar das dores e dores e dores inerentes à existência.

A nós, que existimos, diz o Sábio: até no riso o coração sente dor.
Assim é a existência debaixo deste sol.

Se cada um puder acalmar um coração agitado que caminha 'ao lado', que o faça.
Se cada um puder 'dar ar' a alguém que, ora, se 'afoga' pelas demandas da existência, que o faça.
Se cada um puder se alegrar com quem está alegre, que o faça.
Tudo isso traz muitas curas pra o coração.

A alma do outro é 'terra santa'. A de cada um. A minha. A sua.
Há que se 'tirar as sandálias dos pés' e vestir-se do Amor pra 'adentrar-se' nela.

Que cada um olhe, neste caminhar pela existência, pra seus próprios pés e veja. Veja que os seus próprios pés, certamente, estão sujos da poeira da estrada, porque todos sujam os pés enquanto caminham.
Lavemos os pés uns dos outros, pois.

A 'nudez' do outro se encobre, não se expõe.
A quietude do outro, a minha, a sua, é porto pra alguma alma inquieta ancorar.
A confiança não deve ser maculada, contudo, se for, que haja perdão.
A gratidão no coração cura amargura e tristeza.

Ouvir mais é sempre melhor.
Falar com propriedade e no tempo certo é sabedoria.
Aprender a calar na hora devida é necessário, é virtude adquirida.

Conferir 'coisa com coisa' no coração é uma das atitudes que nos salvam pra uma existência mais amena. Pois é possível, assim, discernir mais precisamente momentos e tempos e, então, tomar decisões que conduzem à vida e fazer escolhas acertadas.
De aflições ninguém está imune. Temos 'sol' e 'chuva' sobre todos.
No entanto: "Tende ânimo!" - disse Ele - "Estarei com vocês o tempo todo, até o fim!" - completou.

-
Considerando I.


Eu tenho a certeza de que não entendo tudo isso, assim, sozinha.
Há outros que 'sonham' comigo.
Teria mais.
Volto por aqui.
- Carla Cristina Luna Accioly


Reações:

8 comentários:

  1. Incrível!
    Adoro sua singeleza ao falar sobre a Vida mana!

    Abraço de panda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai essa Carla deve comer aquele que sai naqueles dias que choveu a noite inteira, e ai vem aquele sol suave, que alegra até a alma mais cansada.... Amo lê-la!!!

      Excluir
    2. Oi, meninas!
      Luzinha, você mora no lugar alto do meu coração e ilumina tudo!
      Deh, eu não aceito! Já to fazendo ~bulen~!!! haha!
      Amo vocês!

      Excluir
  2. Essa nêga manja geral dos paranauê! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Evania, minha doçurinha! Você mora no meu coração sorrindo sempre! Abraço bem apertado da sua mana aqui! Te amo com amor de DuAlto! :D Beijo, nega!

      Excluir
  3. Essa nêga manja geral dos paranauê! ;)

    ResponderExcluir
  4. Ah você vai ouvir os mesmos elogios, então vou tentar ser o mais original possível.
    Considerando esse texto vindo do coração da bela mulher que é a Carla (e quando falo beleza, é em tudo, fisica, espiritual, mental e sentimentalmente) é algo que não me surpreende.Ah se meus inimigos e aqueles que desrespeitaram minha privacidade o ano passado pudessem ler isso e colocado em prática...emfim dane-se eles, beijos e de mim, tiro o chapéu a você Carlinha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leozinho, amo-te e não canso de dizer.
      Você passeia de moto no meu coração. Beijo!

      Excluir

Deixe seu comentário, crítica ou observação. Queremos saber o que estamos transmitindo a você.
Mas, deixamos claro que comentários ofensivos não serão publicados.