terça-feira, novembro 12, 2013

Lizzie Velasquez e as piadas desagradáveis nas redes sociais



É provável que você já tenha visto a foto da moça acima em algum mural nas redes sociais; Infelizmente, quase sempre, acrescida de alguma piada referente a magreza, a falta de
beleza ou qualquer outra coisa que não desejo citar aqui.

Bem, para quem não a conhece, o nome  dela é Lizzie Velasquez.

Lizzie nasceu em março de 1989, nos Estados Unidos e sofre de uma síndrome rara que a impede de ganhar peso.

De acordo com alguns sites que a entrevistaram, a norte-americana mede 1,57 metros, pesa cerca de 26 quilos e chega a fazer mais de 60 pequenas refeições ao dia para manter seus níveis glicêmicos estáveis.

A história da Lizzie me marcou por inúmeros motivos: Um deles foi o fato dela ter o mesmo nome de uma personagem literária que criei quando tinha meus 19, 20, anos (Lizzie é um dos nomes mais lindos que conheço. 'Se' um dia eu  me casar e tiver uma filha, quem sabe...); O outro motivo foi porque me senti constrangida ao ver publicações medíocres com a imagem de uma pessoa (sim, uma PESSOA!) que muitos nem se deram o trabalho de conhecer quem é.

As redes sociais mostram - de forma intermitente - o que há dentro de nós. E se há piadas com o outro, se há insinuações de que alguém é melhor ou pior do que nós pela sua estatura, peso ou condição social, é porque estamos doentes (quer admitamos ou não).

Sofremos de uma doença - ainda sem nome -  que nos impede de olhar para o outro como um igual.
Precisamos insistir que as diferenças desvalorizam o outro para - só então - nos sentirmos melhores. Há uma necessidade, tola e infantil, de compararmo-nos com os outros  o tempo todo e uma tentativa de demonstrar nossos talentos tendo como suporte a fraqueza de quem quer que seja.

Você, ao olhar para uma foto de Lizzi, pode até se sentir mais atraente, bonita ou sexy, mas garanto que não continuará a se sentir assim ao saber que Lizzie tem mais de 12.500 seguidores nas redes sociais e que,  há mais de 6 anos, promove uma mensagem altamente relevante a respeito da vida, da autoestima e do amor ao próximo através de palestras.  E se não bastasse, a moça vai lançar um livro que um bocado de gente aguarda ansioso para ler.

E agora, vai curtir ou compartilhar?!



Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, crítica ou observação. Queremos saber o que estamos transmitindo a você.
Mas, deixamos claro que comentários ofensivos não serão publicados.