segunda-feira, setembro 13, 2010

Por favor...não me chame!


Não me chame para participar de campanhas, atos proféticos, mapeamentos territoriais, propósitos ou coisas similares a esta, cujo objetivo é barganhar e não adorar;



Não me chame para fazer orações determinando e ordenando a benção em “o nome de Jesus” e que não fazem Dele Senhor, mas FORNECEDOR;



Não me chame para falar mal de pastores, ministérios, zombar ou criticar, sem, no entanto, nada acrescentar;



Não me chame para fazer parte de grupos religiosos sectários;



Não me chame para correr de lá para cá atrás de moveres, conferencistas e inúmeros ventos de doutrina;



Não me chame para crer mas não pensar;



Não me chame para ser massa de manobra ou curral eleitoral para eleger pessoas interessadas em proteger seus feudos e não expandir o Reino;



Não me chame para coar o mosquito e engolir o camelo;



Não me chame para fazer de usos e costumes regras de fé e prática;



Não me chame para validar coisas que tão somente a “igreja” proíbe, mas a bíblia permite;



Não me chame para estender a mão e dar o pão ao próximo com o único intuito de praticar proselitismo e não exercitar o puro e simples amor ao próximo;



Não me chame para viver minha fé como se estivesse num gueto e não no Reino que é Dele e permeia todas as coisas;



Não me chame para julgar, sentenciar, reprovar e excluir os pecadores do Reino que a eles foi dada preferência; [Mateus 21:31]



Não me chame para mostrar a superioridade dos “ungidos” do Senhor;



Não me chame para praticar bibliomancia ou consultar “profetas” que mais parecem cartomantes gospel;



Não me chame para aplaudir manifestações espirituais caricatas – em bom evangeliquês: retetés e riplaplás – mas que em nada transformam;



Não me chame para falar evangeliquês;



Não me chame para falar em nome Dele, brigar em nome Dele, mas nem sequer tentar amar como Ele;



Não me chame para reformar o irreformável;



Não me chame para restaurar o irrestaurável;



Não me chame para recuperar o irrecuperável;


Por favor, não me chame!

Mas se for para tentar viver a simplicidade do evangelho puro e verdadeiro, cristocêntrico e sobretudo relacional, por favor ME CHAME!






Roberta Lima
Reações:

34 comentários:

  1. Estou estarrecida com seu texto amiga PUTZ.


    VC TRANSCREVEU COM MAESTRIA O QUE A SÉCULOS VENHO TENTANDO DIZER SOLITARIAMENTE ... NÃO ME CHAMEMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMMM

    AMIGA , CMA TAMBÉM É MEDICINA.

    PS: PRECISÃO CIRURGICA SEU TEXTO !


    VOU DIVULGAR AOS QUATRO CANTOS DESSE UNIVERSO SEM TERRA QUE É A INTERNET .


    ;)

    ResponderExcluir
  2. Ó meu Deus!!!

    Num misto de felicidade e ao mesmo tempo, choque, posso dizer: assino embaixo.

    Mas ainda assim, estou em alerta para não ser parte dos que dividem tudo, criticam tudo e nada acrescentam. Confesso que as minhas feridas ainda me cegam por vezes... e minha indignação, por muito, sai fácil de meus lábios...

    Nele, sempre, beijos no seu coração!

    Ahhh, permita-me, vou enviar para um mundo inteiro e replicar no meu blog com link pro seu!

    =]

    ResponderExcluir
  3. Post para ser replicado e replicado.

    Muito bom mesmo!!!

    ResponderExcluir
  4. Oi querida menina!
    Que texto!!!
    Que possamos viver um evangelho puro e simples, voltados ao amor e a graça. Jesus é Lindo, Maravilhoso, Santo...
    Roberto que o nosso Paizinho continue te agraciando com Sua presença e Seu amor cada dia mais. Um beijo.

    ResponderExcluir
  5. É tudo que que quero e QUERO MESMO...que não me chamem para ser hipócrita, religiosa, sem amor e sem vinculo sincero com o meu próximo[PRÓXIMO, QUALQUER]...
    "Mas se for para tentar viver a simplicidade do evangelho puro e verdadeiro, cristocêntrico e sobretudo relacional, por favor ME CHAME!

    Roberta, vc escreveu aquilo que em meu coração está, mas que minha boca não conseguia expressar, pois, sinceramente não tenho dom para ordenar idéias...vc TÊM!!
    é isso...
    Quero ler sempre!!
    Voltar aqui sempre!! e..
    Como as meninas falaram acima...vou divulgar aos 4 cantos do mundo virtual!!!
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Queridos,

    Sem palavras com o retorno de vocês...é muito bom saber que não estou só e que meu grito é também o de vocês!
    Obrigada pelos preciosos comentários!

    Roberta

    ResponderExcluir
  7. É raro ver um cristão com tais disposições. Concordo em tudo, e fico feliz...
    Abraços!

    ResponderExcluir
  8. Ótimo!

    Também nem precisa me chamar! hehe.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  9. Lindo demais,...!!

    Tbm não me chamem! uhauha

    Deus abençoe!

    ResponderExcluir
  10. Amém, amém e amém. Onde assino? Faço de TODAS as suas palavras as minhas também. Paz, bondade, misericórdia, concórdia, graça e mais graça.

    ResponderExcluir
  11. Bianca, Maurício, Raquel, Leonardo, Luciana, Fabrício e Cláudio,

    Muito obrigada pelos comentários e por estarem fora, junto comigo,desse pseudo-cristianismo!!!

    Deus os abençoe!!!

    Roberta

    ResponderExcluir
  12. Por favor, TAMBÉM NÃO ME CHAME!
    ;)


    --
    Sem palavras, mana!
    MUITO bom!

    ResponderExcluir
  13. Tu falou por mim, Roberta Lima!
    o/
    rsrs

    ResponderExcluir
  14. Carlinha,

    Como diz a nossa amiga Clarice Lispector que tanto fala por nós: porque há direito ao grito, eu GRITO! [em forma de post, mas grito...rs]

    Bjs mana!!!

    =)

    ResponderExcluir
  15. Isso mana!
    #rialto
    Em forma de Post eu também grito!
    Grito pelos meus posts e pelos teus!
    rsrs
    Amo-te n'Ele pra sempre, pois Ele é Eterno e n'Ele estamos!
    o/

    ResponderExcluir
  16. Olá...vi este post no Pavablog e vim correndo te visitar e acabei por querer seguir e publicá-lo tbem no meu blog. Adorei.
    Parabens.

    Abraço

    ResponderExcluir
  17. Concordo com vc, menina "pimenta" do reino (rsrs)
    Apesar de gritar para que não me chamem, sempre tem quem chame. É bom saber que existem outros que tb não aprovam tais coisas.
    Um bj
    Angela

    ResponderExcluir
  18. Dei risada agora Angela...
    Menina "pimenta" do reino foi ótimo...rs
    Bjs querida!!

    Roberta

    ResponderExcluir
  19. Lindo o texto! Parabéns!
    Bjs
    Manga
    www.1toke.wordpress.com

    ResponderExcluir
  20. também não me chame -.-

    muito legal este texto, muito, muito *-*

    ResponderExcluir
  21. Oi Roberta!
    Passando pra deixar um beijo e pra te dizer que ganhei uns selinhos muito lindos. Se desejares algum, passe lá no meu blog pra pegar. Eu postei dia 20/09 os que ganhei da Cássia, muito lindos...se desejares traz pra você, só te peço, caso pegue algum, ou todos, que faça uma visita pra conhecer o blog dela e deixe um recadinho. Ela é uma amor.
    Lá na postagem tá o endereço.
    Se não quiseres tudo bem ok.
    Um beijo grande e que o Senhor continue te abençoando.

    ResponderExcluir
  22. Excelente texto, Roberta!!
    É a traduçao dos meus rascunhos mentais!!!
    Vou divulgá-lo no meu Facebook.
    Bjo.

    ResponderExcluir
  23. Ê maravilha! Estamos juntas nessa! Camila Vaz

    ResponderExcluir
  24. Ao contrário do que diz o texto, EU falo SIM dos maus pastores, critico, zombo e rio muito das bobagens que são ditas por essas pessoas. Não nasci para ser tão passivo assim. Penso que, como vem acontecendo com alguns, eles possam, assim, criar algum tipo de vergonha na cara. Por incrível que pareça tem gente que se toca... E eles só se tocam pq tem gente que coloca o dedo na ferida, que não aceita, debate, confronta. São poucos, mas eles ainda existem. Calando-me estarei consentindo, e isso não combina comigo, mas respeito quem se cala. O meu melhor, a minha contribuição e o que acrescento fiz quando estava em uma banda de rock Gospel e continuo a fazer mesmo estando fora dela. Respondo por MIM sem demagogias e mentiras. E isso choca, eu sei. No mais, o texto é muito bom. Graça e paz!

    ResponderExcluir
  25. Emerson,

    Creio que talvez o texto não tenha deixado claro, o que procurei explicitar são as críticas, zombarias que NADA acrescentam, que não constroem, pois espero que você concorde comigo que não é apenas tirar o fundamento errado...é também construir algo sólido.
    Se, como você menciona, o dedo é colocado na ferida e tem pessoas que se tocam, algo foi ACRESCENTADO!!!
    Obrigada pelo comentário...é sempre bom ouvir opiniões divergentes [apesar de que não creio que estejamos tão divergentes assim..rs]

    Graça, Paz e Bem que vem do Pai,

    Roberta

    ResponderExcluir
  26. Ah, nós estamos falando a mesma língua...rs...É isso mesmo.

    Seguimos fortes!

    ResponderExcluir
  27. A Paz!!

    Parabéns,muito bom este texto e que este Clamor pelo evangelho puro e verdadeiro, alcance mais e mais vidas,e precisando de alguém para contribuir por favor ME CHAME!!!

    Divulgarei nas redes na qual participo.

    Que Deus continue te abençoando!!!

    Vivia Dias.

    ResponderExcluir
  28. UAU! Parabéns! Texto magnífico!
    Vocês ouviram, não me chamem! Hehe

    Cativaram uma leitora!

    A Paz!

    ResponderExcluir
  29. Nossa! Nem vou chamar pra bajular... rsrs Lindo texto, além de ser convidativo a praticar! =)

    ResponderExcluir
  30. Parabéns
    Simplesmente tudo o que está no meu coração!!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, crítica ou observação. Queremos saber o que estamos transmitindo a você.
Mas, deixamos claro que comentários ofensivos não serão publicados.