segunda-feira, novembro 15, 2010

Qual o problema em perder?








Vivemos em um mundo em que o capitalismo selvagem dita as normas. Ter prejuízos sejam eles de quaisquer espécie não está nos planos de ninguém, nunca esteve nem nos primórdios dos tempos porém, somos hoje ainda mais "treinados" para combater toda e qualquer ameaça prévia de prejuízo. Já nascemos com uma natureza pecaminosa e esse sistema que domina o mundo que nos recebe desde o nascimento, nos motiva e nos prepara para guerrear o tempo todo contra perder, contra ter prejuízos. Não precisa se esforçar muito para nos convencer que estamos certos, e o tempo todo devemos lutar contra "as ameaças". E assim vivemos. Aterrorizados e com medo de perder.

Temos medo de perder a hora, e sermos taxados como profissionais desqualificados. 
Temos medo de perder nota, e não entrarmos naquela vaga que iria garantir "nosso futuro".
Temos medo de perder o namorado/namorada, afinal como poderia viver sem ele/ela?
Temos medo de perder dinheiro, afinal quem quer perder dinheiro? Só um bobo mesmo! 
Temos medo de perder oportunidades, pois aquela poderia ser a unica oportunidade de nossas vidas.
Temos medo de perder a razão, afinal como olharão para mim depois que eu perder essa discussão?
Temos medo de perder o emprego, afinal eu vou viver de que? De ar? De luz?
Temos medo de perder o amor daqueles que nos dedica tempo e carinho.

Parece que às vezes as pessoas tem medo de perder o medo, e ficar sem preocupações dignas de um ser chamado de "normal", afinal todo mundo tem medo de perder alguma coisa não é assim? 
E ao invés de buscar combater os "medos", o ser humano hoje combate as ameaças que ele (o medo) aponta. Funciona mais ou menos assim:

Se eu tenho medo de perder a hora, então, se por exemplo, meu filho ou filha se aproxima para perguntar qualquer coisa depois do jantar eu não respondo porque tenho que dormir cedo e não posso perder tempo, então ignoro as pessoas que estão perto de mim, as pessoas que me amam para lutar contra essa ameaça. Mesmo que a minha luta então seja contra as pessoas que eu amo, mesmo que eu os faça sofrer com a minha ausência mesmo estando presente. E assim vai ...

Se eu tenho medo de perder a razão, então eu discuto e defendo meu ponto de vista até que alguém desista e fale: é você está certo(a), tem razão. Do contrário, eu não saio da discussão mesmo que ela já esteja levando a conversa para um tom nada amigável e seja com quem for, não importa se amigo, familiar, namorada(o), ou o próprio Jesus, eu vou discutir até o fim, até ele mudar de idéia. 

Conhece alguém assim? Talvez você conheça, talvez você seja assim...

É por isso que me lembro da passagem bíblica que diz : 


    Sabemos que somos de Deus, e que todo o mundo está no maligno 
                                                                1 João 5-19




O mundo (sistema humano em que eu e você vivemos) jaz no maligno, quem comanda "esse mundo visível e caído" são os homens e por sua vez a maioria deles submeteu esse comando àquilo que satisfaz seu coração corrupto e pecaminoso, o lucro, o poder,  o domínio sobre o outro, a manipulação e a tudo o que se pode derivar de uma natureza cujo "ego é absoluto". Ou seja, o seu ego é seu deus.

Já disse bem Caio Fábio, um ser humano que tem um "ego absoluto", aquele que se diz  perfeito em um corpo corrupto, carnal vira diabo. E vira mesmo. Já tive a impressão de ter trombado com uns por aí.

Esse mundo de "egos absolutos" nos diz que não podemos perder nunca, e ainda tem a capacidade de "forjar" dentro da palavra de Deus versículos para alimentar seus "egos". 

Eu imagino aquela cena em que você perdeu uma oportunidade na vida, e alguém vira para você e diz: mas você não pode aceitar isso fulana (o), você nasceu para ser cabeça e não cauda, você já é mais do que vencedor(a), e etc, etc, etc. Olha, não estou dizendo aqui nada contra consolar alguém que perdeu uma oportunidade, mas quero que fique bem claro é que consolar é compartilhar da dor, como diz na palavra alegrar com quem se alegra, e chorar com quem chora, e o discernimento sobre o que dizer para alguém nesses momentos deveria vir do Senhor, porém algumas pessoas não tem discernimento, e soltam jargões a torta e a direita sem perceber que estão sendo mais influenciados pela máquina mundana do que pelo Espírito Santo.

Jesus passou por isso, Ele sabia que iria "perder a vida" do seu corpo carnal para o propósito maior do Pai se cumprir. 

E começou a ensinar-lhes que importava que o Filho do homem padecesse muito, e que fosse rejeitado pelos anciãos e príncipes dos sacerdotes, e pelos escribas, e que fosse morto, mas que depois de três dias ressuscitaria. E dizia abertamente estas palavras 
          E Pedro o tomou à parte, e começou a repreendê-lo. 
                                                             Marcos 8-31
E porque Pedro repreendeu Jesus? Melhor, Pedro fez o que talvez qualquer um faria, qualquer um nascido nesse sistema faria, vai perder sua vida? Você, sendo filho de Deus com todos esses poderes, vai abrir mão disso para morrer? Não acredito nisso Jesus. Imagino o que Pedro disse a Jesus, quais os argumentos ele usou naquela hora, não é muito difícil de imaginar... seria o que grande parte de nós diria com toda certeza.

Agora vamos ler a resposta de Jesus para Pedro :
Mas ele, virando-se, e olhando para os seus discípulos, repreendeu a Pedro, dizendo: Retira-te de diante de mim, Satanás; porque não compreendes as coisas que são de Deus, mas as que são dos homens.  Marcos 8-33

Jesus disse para Pedro como se Pedro fosse o próprio Satanás, vejamos que depois ele diz que Pedro não cogitou as coisas de Deus e sim dos homens. Atenção: Isso nos mostra algo muito sério, Jesus não disse para Pedro que ele estava fazendo algo em adoração a Satanás ou coisa do tipo, Jesus repreendeu Pedro porque ele cogitou mais as coisas dos HOMENS do que as coisas de Deus e isso fez de Pedro naquele momento um "ego absoluto", e ego absoluto  é a característica de somente um: SATANÁS.


Eu quero dizer aqui nessas linhas que perder aqui não significa perder, e sim ganhar. Parece loucura não é mesmo? Mas isso se chama evangelho. Isso se chama boas novas, isso se chama salvação, isso se chama amor, um amor que lança fora TODO O MEDO. Quem não consegue receber esse amor, não consegue doar amor, não consegue entender o amor, não consegue viver por amor.

Você pode ser um "convencido" como Pedro era , caminhava com o próprio Jesus, ouvia Dele os melhores sermões que alguém poderia dizer, desfrutava da presença física de Cristo e mesmo assim ainda não tinha nascido de novo. Não tinha nascido de novo porque tinha MEDO de morrer. Medo de sacrificar seu "eu", porque ainda cogitava as coisas do sistema como as corretas como se elas pudessem pudessem ditar as normas para sua vida, ele tinha medo de perder.  ENGANO.  


Se alguém quiser vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome a sua cruz, e siga-me.Porque qualquer que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á, mas, qualquer que perder a sua vida por amor de mim e do evangelho, esse a salvará. Marcos 8-38

Depois que Pedro negou a Jesus três vezes como Ele havia dito,  as escrituras mostram que Pedro chorou amargamente (Lucas 22-62). Imagino que o choro de Pedro foi como se uma ficha estivesse caindo, como se o amor de Jesus estivesse achando lugar verdadeiramente no coração dele. E por isso depois, quando Jesus aparece na praia para os discípulos ele pergunta a Pedro 3 vezes, se ele O amava (João 21-17). Pedro então responde na terceira vez, sim Senhor tu sabes de todas as coisas, era como se Pedro dissesse nas entrelinhas: você viu como eu me arrependi de ter te negado e como meu coração orgulhoso foi quebrado, e você sabe que eu não sei de nada. Então Jesus diz para Pedro que antes ele ia onde queria, e fazia o que bem entendia da sua vida mas daquele momento em diante não seria mais assim.

 Minha querida e meu querido, não se deixem enganar por esses discursos que sutilmente entram dentro do seu coração e te convencem facilmente de que você não pode perder, de que sua felicidade está somente na vitória perene e na aquisição de seus sonhos pessoais. Quero te dizer que é mentira. Porque o dia que você conseguir tudo o que você sonha, tudo o que você quer e tudo o que você deseja é bem provável que depois disso você ainda se sinta insatisfeito(a). 

Entenda que perder algumas coisas aqui vão fazer parte da sua vitória completa. Na essência, na eternidade. Afinal se você confia mesmo em Deus como diz, não é uma coisa ou outra que vai sair do controle D'ele.


Mate seu orgulho. Aprenda a perder... aceite a sua derrota. Porque aceitando a sua derrota momentânea você descansará N'ele e Ele trará para você aquilo que realmente se chama vitória, e eterna. Ele cuida de você o propósito Dele é eterno. Ele não se limita a seu "ego absoluto".

Tudo o que é abalável em sua vida deve cair, para que o inabalável permaneça.

A salvação.



Aprendendo a perder para ganhar.
Si Caetano
Reações:

7 comentários:

  1. Maravilhosa postagem... vc abrangeu "N" assuntos e com perfeição!
    Ultimamente com esse lance da teologia da prosperidade, ninguém quer perder... ao contrário chegam a colocar Deus na parede com aquele tal "determine" e acha que está tudo resolvido... Devemos sim, estar atentos ao que Deus quer que aprendamos com tudo o que passamos, fica com Deus meninas... abraçao!

    ResponderExcluir
  2. Quando eu perdi minha audição (boa parte dela), foi terrível para mim, e parecia que eu ia morrer de desgosto, perdi sonhos, perdi a música, etc. Me revoltei, me deprimi. Mas quando o Senhor me ensinou a viver com isso e me fez ver o que isso produzia em mim, tornou-se uma das melhores coisas que já me aconteceu. Embora tenha doído um bocado...Paz meninas.

    ResponderExcluir
  3. Si,

    Minha amiga loira e linda. Que texto!!!

    Como a Clécia comentou, abordasse "n" fatores e com uma propriedade maravilhosa.
    Isso é mais que um post, é uma pérola. Algo que nos "cutuca" e nos ensina muitíssimo e me fez lembrar de uma citação do grande missionário Hudson Taylor (1º missionário na China) e diz mais ou menos assim:
    "Meça sua vida pelas perdas e não pelos ganhos. Não pelo vinho consumido mas pelo vinho oferecido, pois a força do amor se põe em sacrifício do amor e o que mais sofre mais tem pra dar."

    FORTE, REAL, VERDADEIRO!

    Privilégio te-la aqui como uma Menina do Reino flor!

    Amo e gosto muito =)

    Kisses

    ResponderExcluir
  4. Queridas

    Obrigada pelos comentários.
    Fico feliz que se "acharam" nas linhas assim como eu me achei ...

    Simplesmente relato o que tem acontecido, perdas, renúncias, dores ... E Deus tem me confortado e elevado a minha expectativa para essa visão, além mundo. Porque do contrário seria a mais miserável de todas as pessoas da terra.

    Beijo grande...

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pelo texto, sensacional... É muito difícil aceitar que perdemos algo, mas essas palavras clarearam minha mente...

    =)

    ResponderExcluir
  6. olá, Si, apz.

    a Roberta gostou do post:

    http://wallysou.com/2010/07/17/contando-as-derrotas-que-me-fazem-subir-cada-vez-mais/

    e comentou lá.

    gde abço, apz.

    wally.

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, crítica ou observação. Queremos saber o que estamos transmitindo a você.
Mas, deixamos claro que comentários ofensivos não serão publicados.