segunda-feira, setembro 26, 2011

Aprendiz de mim: entre atalhos e caminhos

Atalho também é caminho, na verdade um caminho que nos leva mais rápido a outro caminho. Hoje vivemos a era do “fast”, tudo deve ser rápido. Produtividade, agilidade, rapidez e assim os atalhos são mais sedutores do que nunca.

Por que esperar? Por que ponderar?

É preciso agir, ainda que por vezes impensada e irresponsavelmente.
Tudo e quase todos ao meu redor assim me ensinam. Meu coração se apequena e então corro para o colo Daquele cuja voz é diferente de todas as vozes, cujo ritmar do coração é compassado com a pureza e a verdade. Ele aninha-me em Seu peito e explica-me que atalhos normalmente são perigosos e os caminhos mais rápidos para o fracasso. Me explica que Ele se fez caminho e que demorou neste processo: nasceu, cresceu, se desenvolveu e então apareceu.

Mostra-me que os caminhos são variados mesmo, mas o que conduz à Vida é estreito, por vezes íngreme, pedregoso, cheio de vales de sombra e morte, mas que conduzem à imensidão de Sua existência plena de graça.

Me toma pela mão, olha-me e mais uma vez  afirma que sempre estará comigo, que Sua presença e sua voz me guiarão, sejam em águas turbulentas ou desertos estéreis: a Vida e a paz residem Nele.

“Não procurem atalhos para Deus. O mercado está transbordando de fórmulas fáceis e infalíveis para uma vida bem sucedida que podem ser aplicadas em seu tempo livre. Não caiam nesse golpe, ainda que multidões o recomendem. O caminho para a vida – para Deus! - é difícil e requer dedicação total. Mateus 7-13 (A Mensagem – By Eugene Peterson)

Aprendendo a diferenciar atalhos de caminhos estreitos,

Roberta Lima
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, crítica ou observação. Queremos saber o que estamos transmitindo a você.
Mas, deixamos claro que comentários ofensivos não serão publicados.