quarta-feira, setembro 07, 2011

DI LINDONA...




A vida virtual tem muitas boas surpresas, acredito piamente que o Paizão faz bom proveito dessa nossa fome de comunicação e relacionamentos e nos apresenta pessoas incríveis, também através da internet. Através do #FF eu me conectei com Carlinha, que me apresentou a Roberta, que me apresentou a Di... puxa vida, a Di!

Algumas amizades precisam apenas de alguns tweets, que evoluem para bate-papo no MSN, troca de e-mails e então longas conversas por Skype... E “Thanks God” que surge a TIM com sua promoção e, como me disse a Si, uma das Meninas do Reino, “patrocina a nossa amizade” e torna nossos laços infinity!!!

Quando penso na minha amizade com a Di eu me sinto privilegiada. Conhecemos-nos em tempos onde os desafios estavam pesados de um lado e de outro, mas nossa amizade só nos ajudou a fortalecer ainda mais a nossa fé em Deus. A Di sempre me faz rir e eu adoro as risadas dela, pois são terapêuticas. Ela conta as piadinhas mais bobas e, por isso mesmo, as mais engraçadas, fazendo-nos sentir como se fôssemos crianças... momentos de plena riqueza. Às vezes, rio sozinha ao lembrar de "Hey Judy", "Beiçudinha do Papis" e da piadinha do poço... =]

Um dia, conversando com ela (e antes de conhecê-la pessoalmente) eu perguntei: “Di, será que vamos ficar tão a vontade e rir tanto pessoalmente?”. Ela me respondeu: “Ah amiga, vai ser ainda melhor, você vai ver! Porque aí é cara a cara!” e caiu na risada. Ela tinha toda razão, porque conhecê-la pessoalmente me fez ter a certeza de que nossa amizade é presente do Paizão e aprendo muito, mas muito mesmo com a Di, sua história de vida e seu relacionamento encantador com a filhota Gi.

Quando me vieram as dores, a amizade da Di me fez lembrar de uma canção que é como um hino:


Ei, dor!
Eu não te escuto mais
Você não me leva a nada
Ei, medo!
Eu não te escuto mais
Você não me leva a nada...
E se quiser saber
Pra onde eu vou
Pra onde tenha Sol
É pra lá que eu vou... 

(O sol – Jota Quest)


Agora, vou dirigir-me diretamente para ela:

DI LINDONA, você sabe que é nossa diva, toda delicada e cheia de charme. 

Você é minha amiga-irmã.

Obrigada por todas as conversas que, querendo ou não, sempre me são terapêuticas!

Por todas as gargalhadas sem fim e as crises de riso!

Pelo carinho e cuidado, por abrir espaço em sua vida, por edificar minha vida com tudo o que escreve, crê e vive!

Amo sua vida mana! E creio que o Sol brilhará intensamente sobre teus dias nessa jornada! 

Uma música sobre amizade, para você hoje:


Dias felizes, hoje e sempre, amiga #BAB!

=]

#2 Déinha

Reações:

2 comentários:

  1. Ler duas homenagem uma em cima da outra assim... chorei!

    Oh Déia sua linda, obrigada por todas tuas palavras, se for pra ti só como a sombra do dedo mindinho do Mestre já me darei por satisfeita! É sempre uma grata surpresa andar contigo..

    O que é essa música, o intuito era me jogar na lona? então conseguiu... #entregue rsrs

    beijus minha linda que amo até o talo!!!

    ResponderExcluir
  2. Di!!!!

    Não era esse meu intuito não!!! kkkkk
    Mas mana, mesmo se estiver na lona, vou estender minha mão pra te levantar! kkkkkk Apesar que quem entende melhor de tropeções é a Carlinha e a No!!

    =]

    Beijossssss!
    SVMA!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, crítica ou observação. Queremos saber o que estamos transmitindo a você.
Mas, deixamos claro que comentários ofensivos não serão publicados.