sexta-feira, fevereiro 15, 2013

O Deus que lê Drummond


A beleza também é uma forma de prece

Os pássaros mancham o céu de orações
E as palavras rezam poesias

O Deus que conheço parece apreciar arte

Não me surpreenderia se o encontrasse ouvindo Caetano
Ou lendo Drummond

Ao criar o universo respingou encantamentos
E belezas
E mistérios; por toda parte


'Que a vida tenha beleza
Que tenha a Presença
Que seja prece'  
Amém.

.

Beijos, Lu (a Poulain!)
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, crítica ou observação. Queremos saber o que estamos transmitindo a você.
Mas, deixamos claro que comentários ofensivos não serão publicados.