sexta-feira, abril 20, 2012

Mais que uma música...



Poemas, literatura, frases destacadas e músicas costumam causar impacto sobre mim. Sempre tenho uma “música da vez”, aquela que ouço mil vezes ao dia. Consciente disso, jogo fora o que não presta e retenho o que é bom! =P

Há um tempo atrás minha mana Lu Poulain e eu estávamos conversando sobre mil e uma coisas, quando falávamos sobre música, ela me perguntou se eu conhecia “My heart, your home” da Hillsong - Austrália. Pensei por um momento e respondi que não, nunca tinha ouvido essa música. Ela me enviou o link depois do nosso papo. E quando ouvi a música, pronto, como citei no texto Mais que uma prece: as palavras passaram por mim e reverberaram, movimentando minhas células.

Ouvir “My heart, your home”, que é a Hillsong Kids, foi um impacto. Uma letra tão simples e com um significado tão profundo, levou-me a refletir sobre minha carência de Deus. Ao mesmo tempo em que fico perplexa por um “coração” tão limitado e imperfeito ter a possibilidade de ser um “lar” para o Eterno. Mas é assim que é. Deus habita em seres imperfeitos (por culpa do pecado) como nós.

Um dia isso tudo será restaurado, é nessa esperança que descanso. Por fim, rendi-me a oração em forma de canção e confessei àquele que é: que meu coração seja um lar para você, Deus meu.


Se quiser ouvir a canção, eis o vídeo com a letra, na interpretação da Christy Nockels:



Um abraço,
#2 Andréa Cerqueira

Reações:

2 comentários:

  1. MARAVILHA!!!
    Tenho a leve impressão que Deus nos enxerga como sua mais linda composição Déia, cada nota tocada um sorriso em seu rosto.
    Tratando-se da música que Lu te apresentou, que por sinal é "LINDA", é do tipo (pera,para tudo, estou fora do ar por alguns instantes sentindo o toque do paizão hehehehe)
    ...e é tão bom saber que ele fica bem ali, do ladinho, ouvindo conosco =]

    ResponderExcluir
  2. Meus comentários foram feitos via sms! rs

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, crítica ou observação. Queremos saber o que estamos transmitindo a você.
Mas, deixamos claro que comentários ofensivos não serão publicados.