domingo, abril 08, 2012

Passagem: Feliz seja a Páscoa em teu coração!

Por Lú Rodrigues
Era noite no Egito, provavelmente fazia frio e na casa de cada hebreu havia um cordeiro assado para a ceia, seu sangue foi separado e colocado previamente na porta de cada uma das casas.

Esta ceia era especial, todos deveriam estar presentes, ninguém podia faltar, ninguém podia sair. O cordeiro deveria ser comido apressadamente, com pães sem fermento e ervas amargas.

Imagino que provavelmente os hebreus naquela noite não entenderam bem tudo que aconteceria, devem ter sentido medo, pois era tempo de cumprir o ordenado e esperar o agir de Deus.   

À meia-noite o Senhor visitou cada casa e passou por cima daquelas que tinham as manchas de sangue nas portas. Os hebreus estavam a salvo. Nas casas onde não havia o sangue do cordeiro, havia luto coletivo, todos tinham pelo menos um parente morto, pois  nenhum dos  primogênitos sobreviveu.
  
Esta é a celebração judaica da Páscoa, que do grego Πάσχα, significa “passagem através”, significado com pouca variação do hebraico פסח(pessach).

Segundo o Evangelho de Mateus, foi no tempo de comemoração da Páscoa que Jesus ressuscitou. Era o findar do sábado, quando Maria Madalena encontrou o túmulo vazio, guardado por um anjo.

Mas esta não é a única relação entre Jesus e a Páscoa.

Jesus representa o próprio cordeiro preparado para a ceia naquela noite fria no Egito. 


O sangue colocado sobre as portas simboliza seu sangue derramado totalmente na cruz para salvar todo aquele que se banha nele, através dapassagem de uma vida afastada de Deus, para uma vida nova com ele. 




Os pães sem fermento representam nosso esvaziamento psico-emocional de tudo que nos impedia dessa aproximação com o Pai, bem como nossa humildade para reconhecermos que precisamos desse seu amor, dessa sua salvação. 




As ervas amargas, simbolizam nosso mais sincero arrependimento diante do sacrifício de Cristo por nós, o abandono constante do nosso caráter, bem como nossa própria cruz individual a ser carregada por amor a ele todos os dias.




Que possa este ser também um tempo de passagem para você!


Lú Rodrigues escreve no blog: Tende bom ânimo
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, crítica ou observação. Queremos saber o que estamos transmitindo a você.
Mas, deixamos claro que comentários ofensivos não serão publicados.