quarta-feira, março 13, 2013

Incertezas e fé


Vivemos a sombra das contingências, das incertezas.

Esperamos sempre algo do acaso, sobrevivemos ao que é incerto e aguardamos ansiosos pelas oportunidades. Caminhamos em uma linha fina entre os acontecimentos do hoje e as surpresas do amanhã.

Pensar que nossa vida está suspensa entre os planos do agora e mistérios dos outros dias pode nos deixar aflitos. Afinal, quem pode com o acaso? Quem está livre das circunstâncias que não se esperam? Quem dirá  se teremos as oportunidades que tanto desejamos?

Ed René Kivitz escreveu em sua rede social uma frase que guardei para mim:

'Deus não é prisioneiro da contingência.'

Deus não se limita ao acaso, as fatalidades ou quaisquer outra coisa que pode, ou não, nos acontecer.

Ele é maior.

Talvez andar pela fé seja isso:

Saber que Ele está perto com, ou sem, as grandes possibilidades; Com, ou sem, a realização dos nossos planos; Com, ou sem, as dificuldades que nos acometem.

Ele está perto sempre.


Beijos, Lu.
Reações:

Um comentário:

  1. Ele está perto sempre e nos ama, sempre! Simples e gigantesco assim...

    Bjs, Lu Poulain!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, crítica ou observação. Queremos saber o que estamos transmitindo a você.
Mas, deixamos claro que comentários ofensivos não serão publicados.