segunda-feira, dezembro 19, 2011

Eu não sou multidão



Eu prefiro a contramão
Eu escolho a autenticidade
Faço pacto com a verdade
Corro da mediocridade
Não me refugio em aprovações alheias
Não me deixo sequestrar pelo muito que muitos me dizem
De fato sei quem sou e quem também não sou
Sem falsas ilusões e falsas modéstias
Nem melhor e nem pior
Nem maior e nem menor
Apenas única
Ciente de que só existe uma de mim
Assim como só existe um de ti
Um de cada um de nós
Não sou Ctrl +C, Ctrl +V
Sou criação


Eu escolho lugares inóspitos e desabitados dentro e fora de mim
Dobro em esquinas pouco movimentadas
Me dou com pessoas mal afamadas
Sorrio com ternura quando a desgraça me abraça pois sei que uma hora ela passa
Resisto aos tempos
Não me adapto
Escolho o silenciar quando o mundo quer gritar
Escolho o não me defender quando olhos que não veem querem me fuzilar
Tomo a solidão por fiel companheira em muitas de minhas jornadas
Abro meu coração ao novo, deixando sair o antigo ainda que me seja doloroso
Sou Reino e não religião
Não escolhi seguir de longe, decidi andar juntinho
Com Meu Mestre, meu Caminho

 Roberta Lima


Reações:

3 comentários:

  1. Eu simplesmente AMO quando você fala por mim maninhaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!!!!!!!!!!

    =]

    SSF¹

    Eu também não sou multidão!!!!

    o/


    SVMA!

    ResponderExcluir
  2. Muito bom Roberta Lima, falou por mim também!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário, crítica ou observação. Queremos saber o que estamos transmitindo a você.
Mas, deixamos claro que comentários ofensivos não serão publicados.